Esta seção destina-se a denunciar CRIMES e ABUSOS contra a natureza, como:

DESMATAMENTO
Desflorestação, desflorestamento ou desmatamento é o processo de desaparecimento completo e permanente de florestas, atualmente causado em sua maior parte pela atividade humana. Embora o conceito se aplique em senso estrito à perda de florestas, regiões densamente cobertas por árvores, muitas vezes ele é aplicado para perdas em outras regiões com cobertura vegetal naturalmente esparsa, arbustiva ou rasteira, como as savanas, as pradarias e o cerrado, significando, em seu sentido lato, a perda permanente de todo tipo de cobertura vegetal original em determinada área.

ASSOREAMENTO
Assoreamento é o processo em que se observa no leito dos rios acúmulo de detritos, lixo entulho e outros , no fundo dos rios e lagoas interferem na topografia de seus leitos impedindo-os de portar cada vez menos água, provocando seu transbordamento em épocas de grande quantidade de chuvas e tornados.

DESTRUIÇÃO DE NASCENTES
Uma nascente, cabeceira, olho-d’água ou exsurgência, Minas de água em hidrografia, é o local onde se inicia um curso de água (rio, ribeira, ribeiro, ribeirão, córrego), seja grande ou pequeno. São áreas ou pontos de descarga dos aquíferos, geralmente localizados junto do nível de base geral, de aquíferos suspensos ou locais hidrogeologicamente controlados. A proveniência desta água pode ser autóctone, proveniente da precipitação que ocorre na área de recarga e se infiltra in situ ou de forma concentrada através de sumidouro ou ponor. Por outro lado pode ter origem em áreas exteriores ao aquífero, tendo nesta situação a designação de alógena. Geralmente os aquíferos são compostos por sistemas mistos.
Nascente é o começo do curso de água e o fim do curso é chamado de foz, sendo que um curso de água corre de montante para jusante.

WWW.REDES.COM.BR

Siga-nos no twitter


  • Seja um COLABORADOR do nosso CANAL, e faça ele cada dia mais seu
  • CLIQUE AQUI e CADASTRE-SE.